quinta-feira, 30 de abril de 2015

sobre mudanças

Já faz um tempo que a minha vida está em clima de mudança. Desde que eu saí da casa dos meus pais muitas coisas aconteceram na minha vida. Coisas boas (e não tão boas assim), mas que no fim resultaram em aprendizado e amadurecimento. A vida é assim. Tem mudanças que a gente não escolhe (ou espera) e acontecem. Assim, do nada. E tem mudanças que a gente escolhe e jura que é a melhor coisa a ser feita e depois descobre que poderia ter sido bem diferente. E tudo bem, porque ninguém disse que tem que acertar sempre. Isso que realmente importa. Afinal, erros são (e sempre serão) aprendizados e oportunidades de futuros acertos.

Digo isso porque de dezembro pra cá, eu e o Jack resolvemos procurar um apartamento para comprar. Visitamos imobiliárias, conversamos com o pessoal do banco e fizemos orçamentos. Com o ok da agência e com a papelada em mãos, encaminhamos tudo para a imobiliária. Segundo a construtora, logo estaríamos nos mudando para um pequeno e aconchegante apartamento. Animada (e sonhadora) que sou, comecei a planejar tudo (e quando eu digo tudo É TUDO MESMO) e quando menos esperávamos a moça da imobiliária nos da a péssima noticia de que não poderíamos mais financiar o imóvel, porque a renda e os papéis que entregamos não fechavam com o que a agência bancária solicitava naquele momento. 

Fiquei arrasada, confesso.

Foi ai que me dei por conta de que a gente planeja muito a vida e por muitas vezes se esquece da importância de viver um dia de cada vez. Foi ai que eu percebi que a gente gasta tempo demais pensando no que ainda nos falta e no que achamos que necessitamos ter. Foi ai que percebi que temos mania de ter urgência das coisas. Nós queremos tantas coisas que esquecemos que na realidade precisamos de muito pouco (quase nada) para ser feliz. Esquecemos que lar é onde o nosso coração está e que este lugar pode ser aqui ou acolá, numa casa própria ou alugada, num apto compartilhado ou num kitnet. Tanto faz.

O tempo passa e a gente aprende a batalhar pelos sonhos, mas sem atropelar as etapas. Um dia de cada vez. Um passo por vez. Devagar e em frente, sempre. E sabe de uma coisa? Quando a gente aprende a viver a vida e aceitar as mudanças, as coisas começam se encaixar naturalmente. Simples assim. Como tem que ser. Como é pra ser.

E é em meio a tantas mudanças (e muita bagunça) que gostaria de finalizar esse post com uma novidade: 

agora temos uma casa para chamar de lar!!! Uhuuuu!!!


Se eu estou feliz??? Eu estou muito (mas muuuuuuuuuito) feliz!! 

quinta-feira, 16 de abril de 2015

fotografias aleatórias

Algumas fotos aleatórias que encontrei no meu computador/celular hoje pela manhã 

florzinhas lindas que eu amo muito 
meu "arco-íris" de livros 
o céu em tons de rosa e azul num domingo de 2014
preparando bolo de chocolate :)
no caminho de casa: chuva, guarda-chuva de bolinhas e um charmoso fusquinha vermelho 
florzinhas do campo
3x4 dos meus avós 
detalhes de uma super suculenta
ameixas doces (e muito saborosas)
nós e a Pitucha descansando depois de uma corrida pelo parque :)
girassóis lindos que ganhei do Jack 
livro que encontrei num sebo por apenas 12 dinheirinhos (um achado)
coração moldado pela natureza 
pedalando pela cidade (nesse dia foram 30km, acreditem)
e por fim, Jack pegando florzinha pra mim (até rimou) 

Com carinho, Rafa ♥

segunda-feira, 13 de abril de 2015

para acalmar o coração


Sabe quando dá um aperto no coração e a gente não sabe como lidar com esse sentimento? Hoje eu acordei assim e passei o dia todo trancada no quarto, refletindo sobre a vida. Playlist tocando. Raios de sol entrando pela janela e eu, encolhida na cama tentando absorver tudo o que aquela luz e aquelas melodias queriam me dizer.

Algumas lágrimas caíram, confesso. 

As horas foram passando e o nó na garganta que eu estava sentindo, desapareceu. Parei o que eu estava fazendo e selecionei todas as canções responsáveis por me deixar mais leve e criei uma playlist para acalmar o coração ... para acalmar a mente ... para dar paz.


Com carinho, Rafa ♥

sábado, 4 de abril de 2015

páscoa florida

Para esse tutorial (super simples) será necessário: ovos de galinha (somente a casca) e mini flores do campo (naturais ou não) 

P.S: Me inspirei nesse post/tutorial da linda Livia Kizli 
Como optei por flores naturais coloquei um pouquinho de água em cada ovo :)
E esse é o resultado!! Fofo, delicado e colorido!! ♥ 
♥ 

Abaixo outra sugestão de mini arranjos ... um verdadeiro mix de cores para se inspirar :)
(FIM)
Com carinho, Rafa 

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Praia do Rosa (parte 1)


De Veranópolis/RS à Imbituba/SC. 6 horas de viagem (um pouco de congestionamento) e muita música/conversa/risadas pelo caminho. Ficamos na Praia do Rosa  por 7 dias maravilhosos e esse post é um mix de todos esses dias de sol, calmaria e descanso em meio a natureza. Confesso, quem conhece a Praia do Rosa se apaixona. É inevitável!!

P.S: Devido a quantidade de fotos, teremos a "parte 2" sobre essa praia encantadora