terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

nossa turminha

Sabe aquele ditado: "sempre tem lugar pra mais um"??

Então, a nossa história de adoção é exatamente assim :) Primeiro veio a Belinha, depois a Nina e quando a gente achava que já tinha patudos demais pela casa, chegou a Pipoca e o Pudim para alegrar ainda mais e completar a nossa pequena grande família ♥
A Belinha (nossa estopinha) tem + ou - 6 anos e foi deixada para trás pelos seus antigos tutores ainda filhote. Adotamos ela em janeiro de 2013 e lembro como se fosse hoje do desespero dela quando saíamos para trabalhar, pois tinha medo de ser abandonada novamente :( Confesso que não foi fácil lidar com esse trauma, mas com o tempo e muito amor ela entendeu que nunca mais passaria por abandono algum. A nossa Belinha é a vira-lata mais folgada que eu conheço e ama roubar nosso travesseiro durante a madrugada. Além disso, ama dar piruetas na cama, adora passear por aí (principalmente se for de carro) e é expert em fazer cara de "gato de botas" para ganhar tomate, banana, biscoito, etc etc etc ♥
Essa é a Nina, também conhecida como meNina, Ninão ou Ninoca. Ela tem + ou - 6 anos também e foi adotada em fevereiro de 2016, depois de ser resgatada de maus tratos e ficar em tratamento em uma clínica veterinária aqui da cidade. Soube que ela teve uma cria antes de ser castrada e era carinhosamente chamada de mãezinha pelos veterinários ♥ Foi amor a primeira vista, sabe? E esse sentimento não foi só nosso, Belinha amou a irmã assim que a viu. Se tornaram inseparáveis desde o primeiro contato ... coisa mais linda ♥ Nossa Nina é a vira-lata mais fofa e engraçada que eu conheço. Adora dar lambeijos (fedidos) em todo mundo, ama correr pelo quintal, adora rolar na grama (principalmente nas minhocas mortas haha) e uivar sem parar para pedir comida ♥
A Pipoca veio morar aqui em casa março de 2016 depois de ficar por meses zanzando de um lado para o outro pelas ruas da cidade. A Pipo era super filhotona quando a adotamos e hoje ela tem aproximadamente 4 anos. Lembro perfeitamente do dia que ela chegou aqui em casa de roupa pós-cirúrgica pink, porque tinha sido castrada um dia antes. A Nina amou a nova irmã logo de cara, mas confesso que a Belinha nem tanto. Nossa Pipo adora brincar com cordas, ama dormir esticada no chão e é super sociável (ama quando recebemos amigos e a casa fica cheia de colinhos a sua disposição hahah). A gente brinca que ela é a mistura de raposa, ursinho da coca-cola e cão-dragão Falkors ♥
E por fim, esse é o nosso Pudim! O único gato e menino da casa ♥ Lembro como se fosse hoje da minha amiga chegando com uma caixa minúscula e pedindo se eu não queria adotar um gato que tinha sido abandonado do lado da casa dela durante a madrugada. Sério! Quando ela abriu a caixinha e eu vi aqueles olhinhos e escutei aquele miadinho, meu coração disparou. Eu sabia que era o meu menino. Trouxe ele pra casa morrendo de medo das meninas o machucarem, mas para nossa surpresa a adaptação foi super tranquila. Não demorou muito para as três começarem a disputa por quem seria a mãe dele ou por quem iria dormir com o gato. Hoje nosso Pudi (ou Pudinho), como é carinhosamente chamado, tem 2 anos e está enorme. Ele adora brincar de pega-pega com a Pipoca, ama dormir na estante de livros e é apaixonado por caixa de papelão. Se diverte roubando meus amarradores de cabelo, ama subir em árvores e curte tomar água direto da torneira ♥

Essa é a nossa turminha ... Essa é a nossa família 

:: Tem mais Belinha, Nina, Pipoca e Pudim lá no instagram → @donarafinha

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

não compre, adote

Antes de mais nada, APERTA O PLAY ♥


Impossível não assistir esse vídeo da banda curitibana "O Ar" e não se emocionar, né? Não tem como! Que música mais linda!  Que clipe mais apaixonante! Enquanto eu lia cada relato de adoção, me peguei pensando nos meus filhotes e no tanto de bichinho que tá por ai, nas ruas, esperando por um lar pra chamar de seu.

A gente pode mudar essa história! Não compre, adote! E se você não pode adotar, dê carinho, dê atenção, dê comida, dê água ... É muito mais que empatia, é muito mais que dinheiro ... é sobre AMOR ♥

#NãoCompreAdote

terça-feira, 2 de outubro de 2018

sábado no sítio

Sábado foi um dia tão especial que nem sei se consigo transcrever aqui tudo o que senti ao conhecer o sítio da família Baldissera. Antes mesmo de entrar na propriedade soube que aquela seria uma experiência incrível. Alías, foi impossível não me perder por cada cantinho e fotografar muito :)
Quando estávamos nos organizando para ir embora, avistei ao longe um cachorro muito grande e cachorreira que sou, precisei ir até ele e tentar uma amizade. E não é que rolou? O Lobo (nome desse grandão) é o cachorro do vizinho da propriedade, mas segundo a família que nos recebeu, ele sempre aparece pra dar um "oi". É claro que eu já queria trazer ele pra casa ... Coisa mais fofa  ♥
E pra fechar com chave de ouro, um pôr-do-sol maravilhoso ♥♥♥
Como não amar tudo isso?

Nada me encanta mais do que conhecer lugares novos e cheios de história :) ♥

segunda-feira, 2 de julho de 2018

quaresmeira tricolor

Durante a nossa caminhada de sábado encontramos essa quaresmeira tricolor e foi impossível não parar para contemplar as cores, os detalhes e claro, fazer algumas fotos :)
É óbvio que a Pipoca participou da brincadeira ... Como lidar com tanta fofura??

Pois é, também não sei ♥♥♥

segunda-feira, 18 de junho de 2018

7 metas

7 metas para ter uma semana linda (e bem divertida) ♥


:: via Prosa de Cora (por Malena Flores)